Regulamento

REGULAMENTO (PROVISÓRIO) ATR – AZORES TRAIL RUN ® 2017

1. Condições de participação

O ATR – Azores Trail Run ® 2017 é um evento de Trail Running, composto por várias provas de Trailrunning que decorrem na ilha do Faial, e por uma prova de Skyrunning, na disciplina de Quilómetro Vertical (Vertical Kilometer®) que se realiza no dia antes na montanha da ilha do Pico, no arquipélago dos Açores.

1.1. Idade participação diferentes provas

A idade mínima para participação em qualquer uma das provas é de 18 anos, completados até ao dia de realização da prova, com exceção para o Family Trail em que podem participar menores de 18 anos desde que acompanhados por um adulto.

1.2. Inscrição regularizada

A inscrição no Azores Trail Run ® implica compreender e aceitar sem reservas as regras e o regulamento da prova.

O participante deverá preencher o Termo de Responsabilidade e entregá-lo, em formato papel, aquando do Check-In, no secretariado do evento. Este documento deverá ser descarregado no website oficial do evento.

Deverá também proceder ao pagamento da respetiva taxa de inscrição, sendo que não é necessário o envio do respetivo comprovativo de pagamento.

1.3. Condições físicas e mentais

Cada atleta deve ter plena consciência da necessidade de possuir a condição física adequada às características destas provas de extrema exigência, que alia a elevada dureza do terreno a um considerável desnível e a uma longa quilometragem a cumprir, em condições meteorológicas (exposição ao sol, chuva, frio, vento, nevoeiro) imprevisíveis, que podem ser adversas e eventualmente variáveis ao longo da duração da prova.

Cada atleta deverá aferir das suas capacidades reais de autonomia em montanha que lhe permitam reagir adequadamente na gestão de problemas intrínsecos a este tipo de provas, como sejam a fadiga extrema, os problemas digestivos, as dores musculares e articulares e as lesões.

É recomendável que todos os participantes realizem um exame médico desportivo que ateste a sua aptidão para a realização deste tipo de atividade física.

Em qualquer momento, antes da realização da prova ou durante o decurso da mesma, a organização reserva-se ao direito, se assim o entender, de afastar um atleta caso este apresente algum sinal de patologia que coloque em causa a sua saúde e o seu bem-estar.

Os participantes terão de saber enfrentar problemas físicos e mentais resultantes de fadiga extrema, problemas digestivos, articulares e dores musculares, etc.

1.4. Definição da possibilidade de ajuda externa

É permitida a ajuda externa aos participantes apenas junto aos locais de abastecimento, definidos pela organização.

1.5. Colocação do peitoral

O peitoral é pessoal e intransmissível, devendo o mesmo ser colocado de forma bem visível, durante toda a prova, ou seja, deve ser posicionado sobre a roupa, na zona do peito ou do abdómen e não pode ser, por qualquer razão, fixado sobre a perna, nas costas ou mochila.

1.6. Regras conduta desportiva

Um atleta será punido com desclassificação no caso revele algum sinal de conduta antidesportiva

Casos omissos a este regulamento serão resolvidos pela organização, obrigando-se a mesma a dar, para esse efeito, o respetivo conhecimento às partes interessadas, do modo que considerar mais adequado. São veículos privilegiados de transmissão de informação, o site oficial e a página facebook do evento.

O Azores Trail Run ®, é um evento que promove e privilegia, acima de tudo, o fair-play e o respeito pela natureza.

2. Evento

2.1 Apresentação das provas/organização

O Azores Trail Run ® é um evento desportivo de trail running, que irá decorrer na Ilha do Pico e do Faial a 26 e 27 de Maio de 2017, e que será composto por duas provas longas (Trail Ilha Azul – 70Km e Trail Faial Costa a Costa – 48km) e três provas mais curtas (Trail das Baías – 25km, Trail dos 10 Vulcões – 22 Km e Family Trail – 10 Km). E um quilometro vertical na ilha do Pico.

Organização

O evento Azores Trail Run ® 2017 é organizado pelo Clube Independente Atletismo Ilha Azul (CIAIA), com o NIPC: 512030286 e sede na Rua Capelo Ivens, Apartado 194, 9900 Horta, Açores.

Direção de prova

O Diretor da prova será Mário Leal, ultramaratonista e membro da direção do CIAIA.

Caracterização do evento e descrição dos percursos

O Azores Trail Run ®, será constituída por cinco provas competitivas:

Trail Ilha Azul – Trail Ultra (BIT 70 km) – 2 pontos Mont-Blanc® 2017

O Trail Ilha Azul – Blue Island Trail (BIT 70 km), inicia-se no Forte de São Sebastião, antiga fortificação de defesa marítima da ilhas do Faial, cuja a sua construção remonta ao início do século XVII. Nos seus 70 Km de extensão percorre locais emblemáticos e de rara beleza como a Praia de Porto Pim, o Monte da Guia, o Monte Queimado, Monte das Moças (Observatório Príncipe alberto do Mónaco), marina da Horta e avenida seguindo por caminhos e trilhos antigos de acesso à primitiva vila da Horta. Percorrendo o Relevo Falhado da Costa Este da ilha, uma região profundamente trabalhada pela tectónica desde a Espalamaca, caracterizada por uma complexa estrutura tectónica, dominada por falhas sensivelmente paralelas, de direção ONO-ESSE, manifestação local da Fratura Faial-Pico. Algumas destas falhas apresentam grandes levantamentos localmente chamados Lombas e afundamentos, ladeados por grandes falésias de blocos rochosos expostos, como o graben da Praia do Almoxarife que é uma formação imponente, mergulhando no mar sob a pequena praia que deu nome ao lugar, em resultado dessa atividade tectónica surgiram vários cones vulcânicos com derrames lávicos associados.

A partir da Ribeirnha seguimos o percurso do Faial Costa a Costa – Trail Ultra (48 km)

Faial Costa a Costa – Trail Ultra (FCC 48 km) – 1 ponto Mont-Blanc® 2017 pontuável para o Campeonato Nacional de Trail Ultra 2016.

O Faial Costa a Costa – Trail Ultra inicia-se no centro da freguesia da Ribeirinha, próximo de um antigo porto – o Porto da Boca da Ribeira. Nos seus 48 km de extensão, somos transportados para outros tempos, em que os Faialenses usavam as chamadas “canadas” para transportar bens, quer pelo seu próprio meio quer puxados por carros de bois, e que faziam a ligação entre as freguesias. Passando por um farol destruído por uma intensa crise sísmica em 1998 que não nos deixa esquecer a formação telúrica destas ilhas e das suas gentes, grande parte do trilho decorre no maior e mais espetacular “Graben” do arquipélago, uma grande porção de terreno que abateu entre duas falhas tectónicas. Passando pela escarpa de uma dessas falhas, a “Lomba Grande”, o trilho termina na Caldeira central da ilha, o maior e mais importante vulcão do Faial, onde se faz a ligação ao Trail dos 10 Vulcões.

Em pleno Parque Natural do Faial, considerado Destino Europeu de Excelência (EDEN) pela Comissão Europeia, e único no Pais, somos transportados para uma viagem no tempo histórico e geológico, percorrendo a ilha costa a costa na forma da sua criação, de Este para Oeste. Começa em terrenos com cerca de 800 mil anos, percorre uma zona central com 450 mil anos e os seus 48 km de extensão terminam num dos locais mais importantes do Globo, o adormecido vulcão dos Capelinhos.

Trail das Baías/MMBW – Most Beutiful Bays in the World (TB 25 km)

O Trail das Baías/MMBW – Most Beutiful Bays in the World (TB 25 km), pretende proporcionar aos participantes a atmosfera vivida numa corrida noturna, partindo de um antigo Forte de defesa da Cidade da Horta dos ataques de piratas, numa das Mais Belas Baías do Mundo, em que o espírito de aventura e descoberta são as palavras de ordem. A partida será dada com lua e com as estrelas nos seus olhos, desfrutando de um nascer do sol na montanha do Pico, iluminando a Cidade da Horta e a sua Baía.

Inicia-se no Forte de São Sebastião, antiga fortificação de defesa marítima da ilhas do Faial, cuja a sua construção remonta ao início do século XVII. Nos seus 70 Km de extensão percorre locais emblemáticos e de rara beleza como a Praia de Porto Pim, o Monte da Guia, o Monte Queimado, Monte das Moças (Observatório Príncipe alberto do Mónaco), marina da Horta e avenida seguindo por caminhos e trilhos antigos de acesso à primitiva vila da Horta. Percorrendo o Relevo Falhado da Costa Este da ilha, uma região profundamente trabalhada pela tectónica desde a Espalamaca, caracterizada por uma complexa estrutura tectónica, dominada por falhas sensivelmente paralelas, de direção ONO-ESSE, manifestação local da Fratura Faial-Pico. Algumas destas falhas apresentam grandes levantamentos localmente chamados Lombas e afundamentos, ladeados por grandes falésias de blocos rochosos expostos, como o graben da Praia do Almoxarife que é uma formação imponente, mergulhando no mar sob a pequena praia que deu nome ao lugar, em resultado dessa atividade tectónica surgiram vários cones vulcânicos com derrames lávicos associados. Terminando junto ao local de partida do Faial costa a costa.

 Trail dos 10 Vulcões/30 anos Jardim Botânico do Faial (TDV 22 km)

O Trail dos 10 Vulcões, como o próprio nome indica, tem início numa das maiores e mais espetaculares caldeiras vulcânicas que existem no planeta e percorre, ao longo dos cerca de 22 km, os 10 principais vulcões existentes no alinhamento fissural da península do Capelo. A biodiversidade e a geodiversidade são uma constante neste percurso, destacando-se as paisagens arrebatadoras desta península onde se pode descobrir uma grande parte da flora endémica dos Açores no seu estado natural. Este trilho, atravessa os mais recentes cones vulcânicos da ilha do Faial, terminando no território mais jovem de Portugal, o vulcão dos Capelinhos, autêntico cenário lunar onde é possível pisar terreno formado por cinzas, tufo e bombas vulcânicas com apenas 57 anos de idade, terminando no Porto do Comprido à cota zero, naquela que foi a principal e maior estação baleeira dos Açores entre 1940 e 1957.

Family Trail 10km

Este Trail será uma competição para iniciantes na corrida e nos trilhos e tem como objetivo atrair novos praticantes à modalidade e adeptos da atividade física. Percorrerá caminhos de terra batida e trilhos com um grau de dificuldade muito baixo. Tem também o objetivo de mostrar à população em geral um pouco do que é a corrida e criar vontade de continuar. Poderá ser feito a caminhar e a correr.

Percorrerá caminhos no Capelo terminando no território mais jovem de Portugal, o vulcão dos Capelinhos, autêntico cenário lunar onde é possível pisar terreno formado por cinzas, tufo e bombas vulcânicas com apenas 57 anos de idade, terminando no Porto do Comprido à cota zero, naquela que foi a principal e maior estação baleeira dos Açores entre 1940 e 1957.

2.2. Programa / Horário

Programa das provas

Os atletas participantes que pretendam usufruir do transporte disponibilizado pela organização, deverão apresentar-se no local e hora indicados no site oficial da prova.

Trail Ilha Azul – Trail Ultra (BIT 70 km)

A prova terá início às 05:00 do dia 27 de Maio de 2017, no Forte de São Sebastião, na freguesia das Angústias, na Cidade da Horta.

Trail das Baías/MMBW – Most Beutiful Bays in the World (TB 25 km)

A prova terá início às 05:00 do dia 27 de Maio de 2017, no Forte de São Sebastião, na freguesia das Angústias, na Cidade da Horta.

Faial Costa a Costa – Trail Ultra (FCC 48 km)

A prova terá início às 08:00 do dia 27 de Maio de 2017, na freguesia da Ribeirinha, independentemente das condições climatéricas que se façam sentir.

Trail dos 10 Vulcões/30 anos Jardim Botânico do Faial (TDV 22 km)

A prova terá início às 10:00 do dia 27 de Maio de 2017, na estrada do Cabouco, junto ao tanque de água.

Family Trail 10k

A prova terá início às 13:00 do dia 27 de Maio de 2016, junto ao cruzamento da saibreira da florestal

2.3. Distância, altimetria e categorização de dificuldade ATRP

Tempo limite /Postos de controlo/ Locais dos abastecimentos

Toda a informação está disponível online em: http://azorestrailrun.tracedetrail.com/

Trail Ilha Azul – Trail Ultra (BIT 70 km)

A prova terá um desnível positivo de 3630 metros, sendo o ponto mais elevado atingido à cota de 1017 metros, e o ponto de cota mais baixa situado à cota zero.

Posto de abastecimento Local Km D+ Tempo limite
1 – líquidos e sólidos Poço das Asas 12,6k 955 2:30h
2 – líquidos e sólidos Encruzilhadas-Pedro Miguel 22,6k 1245 3:30h
3 – líquidos e sólidos Charcos de Pedro Miguel 35k 1865 7:30h
WC e água Parque do cabouco 37k
4 – líquidos e sólidos Caldeira 42,5k 2397 9:00h
5  – líquidos e sólidos Casa do Flamínio 53k 2866 11:00h
6 – líquidos e sólidos Casa das Lavadeiras 63k 3290 12:30h
Água Cabeço do Canto 68,5k 3513
7 – líquidos e sólidos Vulcão dos Capelinhos 71k (final) 3622 14:00h

 

Trail das Baías/MMBW – Most Beutiful Bays in the World (TB 25 km)

A prova terá um desnível positivo de 860 metros, sendo o ponto mais elevado atingido à cota de 395 metros, e o ponto de cota mais baixa situado à cota zero.

Posto de abastecimento Local Km D+ Tempo limite
1 – líquidos e sólidos Poço das Asas 12,6k 955 2:30h
2 – líquidos e sólidos Encruzilhadas-Pedro Miguel 22,6k 1245 3:30h
3 –  líquidos e sólidos Ribeirinha 25k 851(final) 6:00h

Faial Costa a Costa – Trail Ultra (48 km)

A prova terá um desnível positivo de 2303 metros, sendo o ponto mais elevado atingido à cota de 1017 metros, e o ponto de cota mais baixa situado à cota zero.

A prova é categorizada pela Associação Nacional de Trail Running como Trail Ultra Médio Grau 2.

Posto de abastecimento Local Km D+ Tempo limite
1 – líquidos e sólidos Charcos de Pedro Miguel 10 628 2:30h
WC e água Parque do cabouco 13 779 3:30
2 – líquidos e sólidos Caldeira 18 1160 5:00h
3 – líquidos e sólidos Casa do Flamingo 28 1629 7:00h
4 – líquidos e sólidos Casa das Lavadeiras 38 2053 8:30h
Água Cabeço do Canto 44 2276
5 – líquidos e sólidos Vulcão dos Capelinhos 47 (final) 2385 10:00h

Trail dos 10 Vulcões/30 anos Jardim Botânico do Faial (TDV 22 km)

A prova terá um desnível positivo de 938 metros, sendo o ponto mais elevado atingido à cota de 900 metros, e o ponto de cota mais baixa situado à cota zero.

Posto de abastecimento Local Km D+ Tempo limite
1 – líquidos e sólidos Caldeira 1 86
2 – líquidos e sólidos Casa das Lavadeiras 13,5 602
Água Cabeço do Canto 20 825
5 – líquidos e sólidos Vulcão dos Capelinhos 22 (final) 938 7:00h

Family Trail (FT 10km)

A prova terá um desnível positivo de 270 metros, sendo o ponto mais elevado atingido à cota de 554 metros, e o ponto de cota mais baixa situado à cota zero.

Posto de abastecimento Local Km D+ Tempo limite
1 – líquidos e sólidos Casa das Lavadeiras 2 80 _
Água Cabeço do Canto 44 188
2 – líquidos e sólidos Vulcão dos Capelinhos 10 (final) 263 5:00h

2.4. Descrição dos percursos

Todas as provas têm alguma dificuldade técnica e incluem, trilhos pedestres, com degraus, terra e pedras, pastagens e estradões.

2.5. Metodologia de controlo de tempos

O processo de controle de tempos do atleta será manual em alguns locais do percurso, sendo feito por chip incluído no peitoral noutros locais não divulgados.

2.6. Tempo limite /Postos de controlo/ Locais dos abastecimentos

Os percursos, tempos e locais de controlo de passagem poderão sofrer ajustamentos até à data de realização da prova, em função de contingências climatéricas e do terreno.

Qualquer atleta que se apresente num posto de controlo após o tempo estabelecido verá o seu peitoral retirado por um membro da organização e deverá abandonar a prova pois deixará de haver assistência desse ponto em diante, não sendo possível, quer à organização quer aos serviços de assistência, garantir a sua segurança.

Qualquer atleta que, por sua iniciativa, decida retirar-se da prova deverá informar a organização, para evitar que os serviços de assistência centrem a sua atenção num atleta alegadamente desaparecido, negligenciando o apoio aos atletas ainda em prova.

Haverá outros pontos, de localização não divulgada pela organização, de controlo do correto cumprimento do traçado por parte dos atletas (controlo manual). O controlo inicial e final será feito através de chip eletrónico.

2.7. Material obrigatório/ verificações de material

No início, durante e no final de qualquer das provas poderá ser verificado, por parte de membros da organização, se cada atleta se faz acompanhar do material obrigatório, a seguir listado:

Material obrigatório BIT 70km FCC 48km TB 25km FCC 22k FT 10km
Peitoral (fornecido pela organização) – a ser colocado de forma bem visível durante a totalidade do percurso X X X X X
Mochila ou equipamento similar X X X X
Depósito de água ou equivalente de 0,5 litro de capacidade, mínimo X X X X
Manta térmica (min. 100×200 cm) X X X X
Casaco corta-vento/impermeável X X X X
Telemóvel operacional (com saldo e bateria suficientes) X X X X
Alimentação de reserva X X
Apito X X X X
Copo (a organização não cederá copos nos abastecimentos) X X X X X
1 Lanterna / Frontal, com pilhas de substituição X X X

2.8. Informação sobre passagem de locais com trafego rodoviário

Durante o percurso de ambas as provas há a possibilidade de ocorrência de tráfego rodoviário conforme se pode observar nos mapas do traçado das provas (http://azorestrailrun.tracedetrail.com/), pelo que os atletas deverão estar atentos e com precaução)

 2.9. Penalizações/ desclassificações

Infração Penalização
Falta de algum elemento do material obrigatório Penalização de por cada elemento em falta 30’
Falta de mais de 3 elementos do material obrigatório Desclassificação
Recusar a verificação do material obrigatório Desclassificação
Não complete a totalidade do percurso Desclassificação
Deitar lixo no trilho ou desrespeitar o meio ambiente Desclassificação
Não leve o peitoral bem visível Penalização de 15’
Alteração do peitoral Desclassificação
Recusar-se a apresentar o peitoral Desclassificação
Ignore as indicações da organização Penalização de 60’
Tenha alguma conduta anti-desportiva Desclassificação
Não passar nos pontos de controlo obrigatórios Desclassificação
Deitar lixo no trilho ou desrespeitar o meio ambiente Desclassificação
Recuse prestar auxílio a outro participante em dificuldades evidentes. Desclassificação
Ignorar as indicações da organização Desclassificação
§  Fraudes (ex. usar transportes, partilhar ou trocar peitoral, etc §  Desclassificação e impedimento de participar nos eventos durante um ano

2.10. Responsabilidades perante o atleta / participante

Os participantes inscritos no Azores Trail Run® aceitam participar voluntariamente e sob a sua própria responsabilidade na competição. Por conseguinte concordam em não reclamar ou exigir à organização, colaboradores, autoridades, patrocinadores e outros participantes de qualquer responsabilidade com os mesmos e seus herdeiros, em tudo o que exceda a cobertura das suas responsabilidades, da dos seus colaboradores e participantes.

2.11. Seguro desportivo

  • O organizador subscreve um seguro de responsabilidade civil e de acidentes pessoais durante a vigência do evento. Este seguro garante a cobertura das suas responsabilidades, das dos seus colaboradores e participantes.
  • A Condições de seguro poderão ser lidas nos seguintes links (Responsabilidade CivilAcidentes Pessoais).

3. Inscrições

3.1. Processo inscrição

As inscrições feitas na página web www.azotrestrailrun.com.

Cada participante deve preencher corretamente o formulário de inscrição e pagar o valor da mesma no prazo estipulado. A veracidade dos dados fornecidos é da responsabilidade do participante, salientando-se a importância da exatidão dos mesmos para efeitos de seguro.

Os meios de pagamento disponíveis são: MB – Multibanco (só para território nacional e válida por 5 dias); Cartão de Crédito e PayPal.

Não é necessário o envio do comprovativo de pagamento.

Após confirmação do pagamento, o nome do atleta vigorará na lista de inscritos.

O pagamento da taxa de inscrição implica uma reserva de lugar, pessoal e intransmissível.

Qualquer esclarecimento adicional deverá ser solicitado por e-mail para secretariadoazorestrailrun@gmail.com

 

3.2. Valores e períodos de inscrição

O período de inscrições decorrerá entre 1 de novembro de 2016 e 30 de abril de 2017.

As taxas de inscrição são as seguintes:

PROVA 01/11 a 28/02   01/03 a 31/03 01/04 a 30/04
BIT 70k 65,00 € 75,00 € 85,00 €
FCC 48k 55,00 € 65,00 € 75,00 €
TB 25k 25,00€ 35,00 € 45,00 €
TDV 22k 45,00 € 55,00 € 65,00 €
Family Trail 10k 35,00 € 40,00 € 45,00 €
Pico Mountain VK 35,00 € 35,00 € 35,00 €

Ao inscrever-se, o atleta está implicitamente a concordar na íntegra com o presente regulamento. Cada inscrição é pessoal e intransmissível.

3.3. Condições devolução do valor de inscrição

A organização reserva-se o direito de não devolver o valor da inscrição dos atletas já confirmados mesmo em caso de desistência antecipada, caso estes não tenham subscrito o seguro de inscrição disponibilizado no formulário de inscrição. O reembolso das taxas pagas será feito na totalidade caso tenha subscrito.

O reembolso apenas poderá ser solicitado quando um participante tiver comprovadamente:

  1. Doença grave imprevista, gravidez, lesão grave, ou morte do próprio ou de uma pessoa próxima deste ou do seu substituto em exercício no local de trabalho, tornando a presença do segurado essencial no local de trabalho;
  2. Danos graves à propriedade da pessoa segurada no seu local de residência, pelo fogo, tempestade, roubo ou danos causados pela água, fazendo a sua presença indispensável na residência;
  3. O cancelamento deverá ser solicitado por e-mail.

A organização não procederá ao ‘congelamento’ de inscrições.

Em caso de alteração de percursos ou cancelamento de qualquer das provas, seja por questões de ordem meteorológica adversa ou outros motivos de força maior, impeditivos da realização das mesmas, o valor das taxas de inscrição não será devolvido, nomeadamente quando as autoridades impeçam a realização da prova.

3.4. A inscrição na prova inclui 

Peitoral (o peitoral é pessoal e intransmissível);

Seguro desportivo (Responsabilidade Civil e Acidentes Pessoais);

T-shirt técnica alusiva à prova;

Abastecimentos sólidos e líquidos ao longo da prova;

Prémio finisher, a todos os atletas que completem a respetiva prova.

Transfers da Horta até aos locais do início das provas e regresso do final

Pasta Party

Beberete de entrega de prémios

3.5. Secretariado da prova/ horários e locais

O secretariado funcionará na cidade da Horta das 17:00h às 22:00h do dia 25/05/2017 e das 12:00h às 18:00h do dia 26/05/2017.

 3.6. Serviços disponibilizados

Transfers da Horta até aos locais do início das provas e regresso do final.

4. Categorias e Prémios

4.1. Definição data, local e hora entrega prémios

Na cidade da Horta pelas 21:00h do dia 27/05/2017.

4.2. Definição das categorias etárias/ sexo individuais e equipas

Em ambas as provas, para além da classificação geral absoluta, serão considerados os seguintes escalões, referentes à idade do participante à data de realização da prova:

Geral M/F

SUB 23 M/F (18 aos 22)

Seniores M/F (23 aos 39 anos)

M40/ F40 (40 aos 44 anos)

M45/ F45 (45 aos 49 anos)

M50/ F50 (50 aos 54 anos)

M55/ F55 (55 aos 59 anos)

M60/ F60 (60 aos 64 anos)

M65/ F65 (65 aos 69 anos)

Equipas

Serão atribuídos prémios aos três primeiros classificados de cada escalão. Os prémios serão entregues na cerimónia a realizar no dia da prova.

Ao vencedor da geral em masculinos e à vencedora da geral em femininos será atribuído um voucher para participação na edição de 2018 (viagem + hotel + inscrição na prova).

O apuramento da classificação por equipas será efetuado com base nas três melhores classificações dos respetivos atletas.

4.3. Prazo para reclamação de classificações

As reclamações deverão ser dirigidas por escrito ao secretariado da prova no prazo máximo de 1 hora após a chegada do último atleta, acompanhado do valor de 50€. Caso a reclamação seja aceite, este valor ser-lhe-à devolvido. Os sócios da Associação Portuguesa de Trail Running (APTR) terão 1 semana para reclamar (no que respeita ao ranking da APTR).